Vida
Comissão de Defesa da Vida do Regional Sul 1 aposta na formação contra ADPF 442
  • por Tomaz Alves
  • junho 8th, 2020,
  • 0 Comentários(s)

A Comissão Regional da Defesa da Vida (CRDV) do Regional Sul 1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) pretende reforçar as iniciativas de formação para aprimorar as articulações contra a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 442, que tramita no Supremo Tribunal Federal (STF), pedindo a descriminalização do aborto até a 12ª semana de gestação. Em reunião no dia 30 de maio, com participação do presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da CNBB, dom Ricardo Hoepers, a CRDV recebeu orientações e sugestões para a atuação frente a temas “importantíssimos e preocupantes”.

Segundo Roberto Vertamatti, secretário da Comissão Regional da Defesa da Vida do Regional Sul 1 da CNBB,  a ADPF 442 compreende “uma luta importante, uma batalha deste momento”. A ação, neste contexto, exige preparação. “Vamos precisar unir na Igreja médicos, Pastoral Familiar, casais, todos eles de boa vontade, e é importante que nos preparemos, em especial, nos aspectos científicos da vida, precisamos estar bem preparados, com base científica, além, é claro, dos aspectos religiosos”, afirma Vertamatti.

Os integrantes da CRDV, reunidos a convite do referencial, dom Eduardo Malaspina, que é bispo auxiliar de São Carlos (SP), também trataram de outras realidades que merecem atenção dos agentes: o projeto de Lei 4754, em tramitação na Câmara dos Deputados e que tipifica crime de responsabilidade dos Ministros do Supremo Tribunal Federal a usurpação de competência do Poder Legislativo ou do Poder Executivo; e a atuação de organismos internacionais em pautas que podem “dificultar, no futuro, a liberdade religiosa” e que promovem descriminalização do aborto e ideologia de gênero.

Portal Vida e Família

Outra ferramenta que deve aprimorar a atuação das Comissões de Defesa da Vida, no Sul 1 e em todo o Brasil, será o Portal Vida e Família, em preparação pela Comissão para a Vida e a Família da CNBB, por meio da Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF). Dom Ricardo Hoepers falou da novidade, que deve favorecer um cadastro das diversas iniciativas e entidades em todo o país e também em âmbito internacional, palestrantes, indicação de formações para atendimento de gestantes, artigos e estudos.

“Será uma grande medida para ajudar na formação das pessoas para que entendam o que é defender a vida e a família. Um outro aspecto é o fortalecimento do cadastro com grupos internacionais que defendem a vida, pois, desta forma, poderemos agir com mais força em todo o mundo”, sublinhou Roberto.

Participações

Também participaram do encontro o coordenador da CRDV, padre Berardo Graz; o secretário executivo do Regional, padre Walter Merlúgo Júnior; padre José Reinaldo, da diocese de São Carlos e, os representantes das: arquidioceses de São Paulo e Sorocaba, e das dioceses de Santo André, Guarulhos, Presidente Prudente e São Carlos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *