Família

Família e vocação laical: o testemunho da família Seidel

por Andre Luiz, 28 de maio de 2022, 0 Comentários(s)

A programação do período da tarde do 12º Simpósio Nacional das Famílias iniciou com o testemunho familiar do casal Daniel e Jussara Seidel. Juntos, eles abordaram sobre o papel da família missionária cristã. Casados há 24 anos, moram em Brasília (DF), têm duas filhas (Isabela Fernanda e Júlia Letícia), e juntos atuam nos projetos sociais familiares. Com base no capítulo III do documento 105: uma Igreja, comunidade missionária, reforçaram seu testemunho de família aberta à missão na sociedade, destacando a ação dos cristãos leigos e leigas.

“Temos procurado, enquanto família, encontrar a Deus nas realidades temporais”, disse Daniel ao abordar que, enquanto família, eles procuram reconhecer o rosto de Cristo nas diversas realidades existentes. Além de infundir uma inspiração de fé e amor nos ambientes e realidades em que vivem.

Comunicação Não Violenta


A família Seidel relatou que buscam conviver de forma afetuosa e amorosa, em um ambiente em que as novas decisões são dialogadas em família. “As nossas decisões são tomadas na família. É importante pra gente ter um apoio”, disse Jussara.

A família trouxe o termo “Comunicação Não Violenta” como base para o fortalecimento do diálogo familiar. É uma estratégia de abertura para exposição de sentimentos, necessidades e pedidos, como se fosse uma assembleia familiar. Para Daniel, esta atitude é um caminho construtivo no relacionamento familiar para promoção da paz, do respeito e do acolhimento.

A oração também é fator marcante na vida familiar. Neste sentindo, eles buscam, enquanto família, uma vida de oração individual, familiar e comunitária. Para isso, rezam o oficio divino no carro, e também antes das refeições. Jussara frisou que esse momento de oração antes das refeições é importante também para que cada um partilhe sua rotina.

Projetos Sociais

Sempre muito envolvidos com a causa da justiça social, a família fundou o projeto “Vida e juventude”. Uma OSCIP que atua na formação de juventude e mulheres, e com projetos de direitos humanos. E, este tem sido o objetivo do casal desde o início da família, como lembrou Jussara de quando foi pedida em casamento por Daniel. “Eu fiz uma escolha muito linda e hoje estamos completando 25 anos. Nós pensamos em ser uma família comunitária”, disse.

O exercício político também está presente na vida familiar. Daniel já disponibilizou o nome três vezes para deputado distrital, sendo suplente por uma delas. Foi secretário de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda no Distrito Federal, com destaque para o assistencialismo com a população de rua, capacitação para todos os setores da secretaria, e ainda contou com a participação voluntária de Jussara.

No projeto Tecendo Vida e Cidadania, eles contribuem com cerca de 50 jovens na cidade onde residem, Samambaia, oferecendo, sobretudo, cursos profissionalizantes. Júlia, a caçula da família e estudante de psicologia, já atua neste projeto. “Só o que eles (jovens) precisam é ter alguém para escutá-los”, afirmou.

Confira como foi a participação da família Seidel no 12º Simpósio Nacional das Famílias:

Texto: Ariana Frós - agente de comunicação do Regional Nordeste 5

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.