Família

Última semana de credenciamento da imprensa para a 48ª AG da CNBB

por Pastoral Familiar, 27 de abril de 2010, 0 Comentários(s)

A pouco mais de uma semana para o início da 48ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil, que acontece entre os dias 4 e 13 de maio, a assessoria de imprensa da CNBB lembra que o credenciamento da imprensa para a cobertura do evento se encerra na próxima sexta-feira, 30 de abril. Os interessados podem fazer seu credenciamento através do site da CNBB (www.cnbb.org.br) ou pelo blog: www.blogdacnbb.blogspot.com preenchendo a ficha de inscrição que está no próprio site. É importante destacar que só terão acesso ao local da Assembleia os profissionais da imprensa credenciados, portanto, o credenciamento deve ser feito antes do evento. Jornalistas, cinegrafistas e demais profissionais credenciados devem estar, durante toda a Assembleia, devidamente identificados com o crachá da empresa para a qual trabalham. A 48ª Assembleia Geral vai acontecer em Brasília, no Centro de Eventos e Treinamentos (CET) da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Comércio (CNTC), na W5 – SGAS 902 Sul – Bloco C. Telefone: (61) 3214-8000 begin_of_the_skype_highlighting (61) 3214-8000 end_of_the_skype_highlighting. A Assembleia Cerca de 300 bispos de todo o Brasil participarão da 48ª Assembleia Geral da CNBB para discutir e refletir sobre a Igreja no Brasil e questões ligadas à vida do povo brasileiro. Esta é a segunda vez que Brasília recebe a Assembleia dos Bispos. A primeira foi em 1970. Durante 36 anos ininterruptos a reunião dos bispos se realizou em Itaici, município de Indaiatuba (SP), exceto no ano 2000 quando se transferiu para Porto Seguro (BA) em virtude das celebrações do 500 anos do Brasil. A realização da 48ª edição da Assembleia na capital federal foi motivada pelo 16º Congresso Eucarístico Nacional, que se realizará em Brasília, entre os dias 13 e 16 de maio. A partir de 2011, porém, os bispos passarão a se reunir em Aparecida (SP). Este ano, o tema central da reunião dos bispos é: “Discípulos e servidores da palavra de Deus e a missão da Igreja no mundo”. Já o tema prioritário tratará das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.