Família

Avaliação é positiva sobre realização da Assembleia da Pastoral Familiar

por Andre Luiz, 10 de julho de 2021, 0 Comentários(s)

Realizada desde segunda-feira (5), a 44ª Assembleia Ordinária da Pastoral Familiar foi encerrada neste sábado (10) e teve avaliação positiva dos integrantes da Coordenação Nacional, dos representantes dos regionais e dos movimentos que participaram do encontro. Esta foi a primeira vez que a reunião ocorreu de forma virtual, por conta da pandemia causada pelo coronavírus.

Segundo o casal coordenador nacional, Khátia e Luiz Stolf, a Pastoral Familiar sai ainda mais fortalecida após a assembleia. “Agradecemos a todos que se empenharam nesta semana. Saímos fortalecidos e comprometidos com a missão. Temos tanta coisa pela frente e sabemos que não estamos sozinhos. Estamos unidos”, disse Khátia. “Percebemos o crescimento da Pastoral Familiar, mesmo diante da pandemia. Trabalhamos incessantemente e vamos avançar ainda mais”, completou Luiz. 

O bispo de Bacabal, no Maranhão,dom Armando Gutierrez, também aproveitou a ocasião para agradecer a oportunidade de participar da Assembleia. “Obrigado ao Senhor que me faz participar da Pastoral Familiar, que me fortalece na minha missão como bispo e no serviço à Igreja e às famílias”, destacou.

Por sua vez, o bispo da diocese de Rio Grande e presidente da Comissão Nacional da Pastoral Familiar, dom Ricardo Hoepers, reforçou a importância de entender os momentos difíceis que o país passa como uma oportunidade. “Essa crise não pode nos deixar de braços cruzados e não nos deixou. Temos a necessidade de mantermos o que já realizamos e nos colocarmos como instrumentos nas mãos de Deus”, apontou.

Participantes

A Assembleia Ordinária contou com a presença de representantes de 10 movimentos que tratam do tema da família. Um deles foi Carlos Eduardo Vianna, do Encontro de Casais com Cristo (ECC), que também participou do Fórum “Em que ponto estamos com Amoris Laetitia? Estratégias para a aplicação da exortação apostólica do Papa Francisco”. Ele relatou que foi uma dádiva estar presente nos dois encontro. “Quero parabenizar a todos pela organização do evento. Mesmo tendo que participar pelo computador, não foi nada cansativo. Teve uma condução dos trabalhos muito boa”, disse. 

Realização 

Nos primeiros quatro dias do encontro, os regionais, setores, serviços e movimentos apresentaram em vídeos as atividades e iniciativas realizadas desde o início de 2020.

Neste sábado (10), durante os dois períodos, os coordenadores, assessores e bispos referenciais se encontraram. Pela manhã, um momento de espiritualidade inspirado no Ano de São José, foi conduzido pelo bispo de Campo Mourão e conselheiro da Comissão Nacional da Pastoral Familiar, dom Bruno Elizeu Versari.

Na parte da tarde, foram deliberados vários temas relacionados à atuação da Pastoral Familiar no Brasil, como a atualização dos materiais informativos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *