Família

Casais do Setor Pré-Matrimonial aconselham sobre o namoro aos olhos de Deus

por Andre Luiz, 11 de junho de 2021, 0 Comentários(s)

Durante esta semana que antecede a data comercial do Dia dos Namorados, comemorado neste sábado (12), os casais coordenadores do Setor Pré-Matrimonial da Pastoral Familiar de diversas partes do país aproveitaram a oportunidade para compartilhar experiências e aconselhar sobre este momento tão especial. Os vídeos foram compartilhados nas redes sociais da Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF) e trouxeram reflexões sobre o namoro, a castidade, o papel da família na vida dos jovens e como se preparar para o casamento.

Solange e Alisson Schila, coordenadores nacionais do Setor Pré-Matrimonial, começaram explicando o que é o namoro. “É um momento de conhecer melhor a si mesmo e ao outro. É fundamental privilegiar espaços de diálogo aberto, falar de suas vidas, suas histórias, seus projetos, sentimentos, inseguranças. Revelando-se um ao outro com sinceridade”, destacou Solange.

É importante acostumar-se, desde o namoro, a conversar junto com Deus. Quanto mais perto estiverem de Deus, mais próximo estarão um do outro. Nunca deixe de se perguntar para onde e como está indo o seu namoro”, reforçou Alisson.

Confira o vídeo: https://fb.watch/63vJSw7Xsl/

Castidade

Elis e Rodrigo Gonçalves, coordenadores do setor Pré-Matrimonial na arquidiocese de Porto Alegre (RS), alertaram sobre a importância da castidade para o bem da relação e do futuro matrimônio. “É a virtude que valoriza e purifica o amor humano. Todo o amor humano precisa, continuamente, se purificar para que não se contamine”, disseram.

O egoísmo torna o amor impuro. Se o primeiro que se busca em uma relação é o prazer, ainda que seja de comum acordo, é algo egoísta. Para que o amor cresça e amadureça, que se converta em uma árvore sólida e que dê bons frutos, temos que cuidá-lo com a castidade, com respeito mútuo, colocando limites claros e lutando juntos”, completaram.

Confira o vídeo: https://fb.watch/63vHkbREtJ/

Família

Maria Lúcia e Genivaldo Martins, do Regional Nordeste 2, destacaram que a família exerce papel fundamental no acompanhamento do casal de namorados. Especialmente em relação a acolher, apoiar, orientar e escutar os jovens casais. “A família precisa estar aberta ao diálogo com os filhos. Os filhos devem ter os pais como seus melhores confidentes e conselheiros”, apontaram. “Os pais, sempre que puderem, devem partilhar as experiências vividas por eles na época do namoro”, disseram.

Preparação ao matrimônio

O casal Ana Paula e Diego Lazarini, da Arquidiocese de São Paulo, lembraram trechos da escritura que falam sobre o amor. Já Roberto e Maria Leonice Mariannini, lembraram que mais do que escolher um salão para a festa, comprar ou mobiliar a casa, o mais importante para o casal neste período é se voltar para Deus. “O preparo para o matrimônio consiste em desejar, durante o namoro, formar uma família conforme o projeto e o designo de Deus e escolher amar”, disseram.

Itinerário Vivencial

Apoiar os jovens na preparação para o matrimônio é o objetivo da formação do Itinerário Vivencial de acompanhamento personalizado para o Sacramento do Matrimônio a partir da proposta incentivada pela Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O curso promovido pela Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF) e voltado para aqueles casais que desejam atuar no acompanhamento pastoral de nubentes em vista do matrimônio está com as inscrições abertas.

A capacitação é oferecida por meio de plataforma de ensino a distância (EAD) com dez encontros online, um por semana, com duração de uma hora. Para se inscrever, acesse: https://bit.ly/2SQi58H. Ao final do curso, cada aluno receberá um certificado de conclusão expedido pela Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF).

O material que baseia a formação é oferecido pela CNPF na loja virtual (https://bit.ly/2TpJVJg) e se propõe a ajudar os casais que acompanharão os noivos nas paróquias, durante a preparação para a vida Matrimonial. Nele, há propostas de exercícios que também ajudarão o Matrimônio dos próprios casais acompanhantes, consolidando e abrindo novas perspectivas evangélicas na relação a dois e com a prole.

FOTO: Matt Nelson/Unsplash

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *