Igreja

Intenção do Papa: rezar por aqueles que sofrem perseguição religiosa

por Andre Luiz, 10 de janeiro de 2022, 0 Comentários(s)

O Papa Francisco nos convida a rezar, em janeiro, pelos irmãos que são perseguidos por conta da sua fé e que sofrem algum tipo de discriminação religiosa. Esta é a primeira intenção do Pontífice para ano de 2022. O vídeo que aborda a reflexão sobre o tema contou com o apoio da fundação pontifícia “Ajuda à Igreja que Sofre” (AIS). A organização tem o objetivo de ajudar fiéis que sofrem com este tipo de situação. No próximo dia 21 de janeiro é celebrado o Dia Mundial da Religião e Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa.

“Como é possível que hoje muitas minorias religiosas sofram discriminação ou perseguição?”, questiona Francisco. “Isso não só é inaceitável, é desumano, é insano”, destacou.

“A liberdade religiosa não se limita à liberdade de culto, ou seja, a que se possa ter um culto no dia prescrito pelos seus livros sagrados. Mas nos faz valorizar os outros em suas diferenças e reconhecê-los como verdadeiros irmãos”, analisou o Santo Padre.

“Vamos escolher o caminho da fraternidade. Porque ou somos irmãos, ou todos perdemos. Rezemos para que as pessoas que sofrem discriminação e perseguição religiosa encontrem nas sociedades em que vivem o reconhecimento e a dignidade que nasce de ser irmãos e irmãs”, concluiu o Papa Francisco.

Saiba mais

Segundo o Relatório sobre a Liberdade Religiosa no Mundo publicado pela AIS em abril de 2021, a liberdade religiosa foi violada em um terço dos países do mundo, onde vivem cerca de 5,2 bilhões de pessoas. O mesmo relatório afirma que mais de 646 milhões de cristãos vivem em países onde a liberdade religiosa não é respeitada.

Desde 2020 tem sido denunciado uma quantidade de minorias étnicas e religiosas, especialmente as de origem muçulmana, que não desfrutam de plenos direitos de cidadania nos países em que vivem.

Confira o vídeo com a Intenção do Papa para janeiro:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *