Igreja

Mensagem para JMJ reforça desejo de proximidade entre jovens e idosos

por Andre Luiz, 13 de setembro de 2022, 0 Comentários(s)

Já está disponível a mensagem do Papa Francisco para a 37ª Jornada Mundial da Juventude que será celebrada na Solenidade de Cristo Rei, em 20 de novembro, nas Igrejas particulares espalhadas pelo mundo. O tema será o mesmo do encontro em Lisboa, em 2023: “Maria levantou-se e partiu apressadamente” (Lc 1,39). Entre os destaques do texto está o convite a se aproximar dos idosos, como foi proposto também no Dia Mundial dos Avós e Idosos, em julho deste ano.

Confira a mensagem do Papa Francisco, na íntegra, para a Jornada Mundial da Juventude: https://bit.ly/3QLkDxg

“Queridos jovens, é tempo de voltar a partir apressadamente para encontros concretos, para um real acolhimento de quem é diferente de nós, como acontece entre a jovem Maria e a idosa Isabel. Só assim superaremos as distâncias entre gerações, entre classes sociais, entre etnias, entre grupos e categorias de todo o gênero, e superaremos também as guerras. Os jovens são sempre a esperança de uma nova unidade para a humanidade fragmentada e dividida, mas somente se tiverem memória, apenas se escutarem os dramas e os sonhos dos idosos”, destaca o Pontífice.

“Há necessidade da aliança entre jovens e idosos, para não esquecer as lições da história, para superar as polarizações e os extremismos deste tempo. Maria é o modelo de como acolher este imenso dom na nossa vida e comunicá-lo aos outros, fazendo-nos por nossa vez portadores de Cristo, portadores do seu amor compassivo, do seu serviço generoso à humanidade sofredora”, completou o Papa Francisco.

No texto, o Santo Padre relembra a JMJ 2019, no Panamá, e destaca que o tema atual é um convite de de Deus a levantar-nos. Segundo ele, o verbo levantar é uma palavra que significa também ressuscitar, despertar para a vida.

“Nestes últimos tempos tão difíceis, em que a humanidade já provada pelo trauma da pandemia, e dilacerada pelo drama da guerra, Maria reabre para todos e em particular para vocês, jovens como Ela, o caminho da proximidade e do encontro. Espero e creio fortemente que a experiência que muitos de vocês irão viver em Lisboa, no mês de agosto do próximo ano, representará um novo começo para vocês jovens, com vocês e para toda a humanidade”, ressalta.

Por meio da mensagem, o Papa Francisco também convidou os jovens, seguindo os passos de Maria, a serem uma Igreja a caminho, que sai e se coloca a serviço, portadora da Boa Nova. “A Mãe do Senhor é modelo dos jovens em movimento, jovens que não ficam parados diante do espelho em contemplação da própria imagem, nem alheados nas redes. É a mulher pascal, num estado permanente de êxodo, de saída de si mesma para o Outro, com letra maiúscula, que é Deus e para os outros, os irmãos e as irmãs, sobretudo os necessitados, como era então a prima Isabel”, destacou.

Reencontro

Por fim, o Pontífice fez um convite especial aos jovens para que não desanimem. “Sonho, queridos jovens, que na JMJ vocês possam experimentar novamente a alegria do encontro com Deus e com os irmãos e irmãs. Depois de um prolongado período de distanciamento e separação, em Lisboa – com a ajuda de Deus – reencontraremos juntos a alegria do abraço fraterno entre os povos e entre as gerações, o abraço da reconciliação e da paz, o abraço de uma nova fraternidade missionária”, finalizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *